Skip to Content

47. construir uma mesa inteira sem gastar dinheiro

Eu costumo retirar móveis daqueles papa-entulhos e dar uma reformada, muita coisa boa é jogada fora, é realmente impressionante. Também tenho tido ímpetos de me aventurar na marcenaria e de ir contra o dinheiro. Essa velha utopia de viver sem usar dinheiro. Foi aí que fui apresentada ao meu mais novo ídolo: mudlevel. E tudo isso somado à linda dialética da criatividade humana, deu origam à essa mesa:

 

25072011254

 

Depois de ver isso eu resolvi me desafiar e construir uma mesa inteira só com materiais retirados do lixo. Para a base peguei várias madeiras de um armário desmontado, o tampo fiz com umas madeiras totalmente sujas que o Daniel encontrou faz tempo, e queria fazer prateleiras. Tirei pregos de caixotes de feira e parafusos do próprio armário. Forrei uma das madeiras com um papel que fazia parte de uma embalagem (caixa de sapatos? não sei), e a tinta é a que sobrou do quarto do Breno, cujo nome é “hortelã mexicana”, um amor.

 

Eu tenho a tendência de ser muito legal comigo, por isso enquanto pregava a mesa e percebia o quão frágil ela estava ficando, eu só pensava que essa era a minha primeira mesa e que ia dar certo. Mas a verdade é que ficou um pouco bamba, essas madeiras de ármários baratos são muito ruins, não prendem bem os pregos, sem falar que os pregos dos caixotes entortavam sem parar, ou seja: em alguns momentos tive que usar uns outros pregos comprados que eu já tinha, então meio que falhei, mas como sou muito legal comigo acho que pra primeira mesa ela ficou ótima.

 

E foi um desafio triplo: usei uma furadeira, construí uma mesa e só usei materiais do lixo. Fiz um vídeo para ilustrar o processo. A mesa está servindo bem, apoiada na parede e sem muito peso em cima.

 

11 Comentários

  1. Pity disse:

    Minha amada! Criativa como sempre!
    Parabéns, ficou linda!

  2. Pity disse:

    Para ficar menos bamba, tenta colocar uma madeirinha em cada perna, que vai da perna à lateral da mesa, um palmo abaixo do tampo, formando um pequeno triângulo. Isso da firmeza, pois serve de trava para as pernas.

    Te amo!.

    • Caroline disse:

      brigada, mãe. eu tentei isso mas o problema é que bem o buraco onde os pregos fincam na mesa tá meio aberto, sabe? não sei explicar enchi de pregos e ainda assim não adiantou o suficiente.

  3. Pity disse:

    Pensou em tudo, em menina!
    Tá ótima assim!
    Deixa encostada na parede que funciona bem.

  4. Estela Casagrande disse:

    Olá Caroline Veja esses dois links, acho que vc vai gostar. Matéria de hoje
    Viva a Sociedade Alternativa 2.0 http://migre.me/5owc7
    Coletivo, neo hippies, socialismo. Sociedade Alternativa, parte 2. http://migre.me/5owgH Até dinheiro próprio eles criaram!

    • Caroline disse:

      Eu conheço a Casa fora do eixo. O que eu mais gosto é que todo o domingo tem shows, churrasco (churrasco vegetariano também) e cerveja, e cada um contribui com o que quiser, tem uma feira de trocas também. E o ambeinte é muito bom, mesmo sendo aberto tem aquele clima de festa em casa. To sem internet então ainda não consegui ler os links 🙂

  5. geisson disse:

    A ideia de não gastar dinheiro é ótima, mas duvido que você não tenha gasto com tinta, parafusos, martelo, regua e madeira.

  6. Caroline disse:

    eu gastei só com parafusos. a madeira eu encontrei no lixo, os outros materiais eu peguei emprestado ou já tinha em casa.

  7. I just want to tell you that I’m newbie to weblog and actually liked you’re web-site. Most likely I’m going to bookmark your website . You really come with fantastic stories. Appreciate it for sharing with us your web-site.

  8. ELOUISY FERNANDES DA SILVA disse:

    LEGAL MESA

Deixe o seu comentário!